Animes Cultura Nerd Review

BOKU NO HERO ACADEMIA VOLTOU COM TUDO!

By on 6 de novembro de 2019

Fala taverneiros! Hoje vamos falar um pouquinho sobre o retorno dos heróis que tem agitado o mundo dos mangás e animes recentemente!

Boku no Hero estreou sua 4ª temporada no dia 12 de outubro de 2019 e, até o momento, já conta com 3 episódios na plataforma de stream de animes Crunchyroll. Seguem as impressões sobre o anime até o momento!

Atenção! Spoilers daqui para baixo! Se não assistiu a nova temporada, leia por sua conta e risco!

Nesse novo arco, iniciado exatamente de onde a terceira temporada terminou, as coisas estão confusas no mundo dos heróis. Com a prisão de All for One e o anúncio da aposentadoria de All Might (devido à seu poder estar praticamente esgotado após a luta contra All for One), o caos se instalou entre os vilões. Organizações do submundo e vilões que se acham fortes estão lutando e espalhando o terror pela cidade, tentando assumir o título de grande vilão do momento.

No meio desse caos, nossos heróis continuam seu ano letivo, tentando agora fazer seu estágio remunerado dentro das companhias de heróis. Porém, devido justamente às dificuldades por conta dos vilões, nem todos os alunos terão permissão para fazer o estágio, ficando à cargo de heróis de alto escalão aceitar ou não os alunos, assim como fica à cargo dos alunos assumirem o peso de trabalharem como heróis estagiários para uma agência, ao mesmo tempo que precisam continuar acompanhando as aulas e mantendo o desempenho escolar.

No primeiro episódio dessa temporada, temos um repórter se infiltrando na UA, sob a desculpa de que irá fazer um artigo sobre como é a vida dos alunos nos dormitórios do colégio, sendo seu objetivo na verdade, descobrir quem será o sucessor escolhido por All Might para herdar o manto de herói nº1.

O episódio serve como uma ligação leve para os eventos da terceira temporada, apresentando um pouco sobre as expectativas e sensações dos fãs de All Might, agora que o herói se aposentou, ao mesmo tempo que mostra o quanto à pressão para ser o herói número 1 continua à exercer influência sobre Deku.

Já no segundo episódio, vemos uma ameaça maior do que a liga dos vilões surgindo. Chisaki, mais conhecido como Overhaul, um membro da antiga Yakuza e detentor de um poder assustador, quer assumir a liderança dos vilões, enquanto Shigaraki, sob a premissa de ser o sucessor escolhido por All for One, nega tal ideia, resultando na primeira batalha sangrenta em que vemos oficialmente a morte de algum personagem.

(Chisaki e todo o seu ar de mistério)

Enquanto isso, Midoriya resolve fazer seu estágio com o antigo parceiro de All Might, Nighteye. Para isso, All Might que, por motivos pessoais (não revelados no episódio), não quer entrar em contato com seu antigo parceiro, pede à Togata que já é estagiário de Nighteye para que apresente Deku à ele e assim, garanta o estágio do nosso protagonista.

O episódio é bem interessante, deixando um misto de tensão e mistério nos expectadores que não acompanham o mangá de perto. Ao mesmo tempo que temos o ódio e a força dos vilões finalmente tomando formas mais cruéis e pesadas, temos a dúvida do que aconteceu entre o herói número 1 e seu antigo parceiro que os afastou tanto. Temos também o retorno de um dos 3 grandes alunos da UA, Mirio Togata, que traz um ar mais leve e quase cômico ao episódio, juntamente com uma cena pra lá de bizarra protagonizada por Nighteye e um dos membros de sua agência.

Já o episódio 3 finalmente retoma o ar de mangá shounen que tanto gostamos na série. Para conseguir o estágio, Midoriya precisa provar seu valor, realizando um pequeno desafio de Nighteye, o qual finalmente revela qual é seu poder: ver durante uma hora o futuro de uma pessoa apenas olhando nos olhos dela. Esse início de episódio equilibra uma animação muito bem feita do desafio com momentos simplesmente cômicos, mostrando que além de parceiro de All Might, Nighteye é basicamente um fã extremamente viciado do herói.

Temos também durante o desafio a revelação impactante de que Nighteye não gosta de Deku não pela sua personalidade, mas porque o mesmo sabe do segredo do One for All e havia decidido com All Might que Togata seria o sucessor perfeito, plano que foi frustrado pelo surgimento de Midoriya. Seguindo o que é apresentado no mangá, essa revelação impactante será um dos pontos principais dos próximos episódios da temporada, deixando uma marca profunda em Deku.

O último ponto que quero falar sobre o terceiro episódio se trata justamente do finalzinho do episódio. Antes da ending tocar, vemos Midoriya e Togata se preparando para sair em uma patrulha, cujo objetivo é justamente investigar as ações de Overhaul sem levantar suspeitas. Logo após a música de encerramento, temos uma garotinha de cabelos brancos e um único chifre lateral na testa correndo desesperadamente por becos e pedindo ajuda, terminando por trombar justamente com Deku. A cena termina com Chisaki (Overhaul) que era quem a perseguia, dizendo para ela não causar problemas aos heróis, e a chamando casualmente de Eri.

(O encontro de Deku e Eri)

Fiquem muito atentos à esse detalhe da garotinha, pois por mais insignificante que a cena pareça, Eri é o núcleo da trama dessa nova temporada!

Bom pessoal, por hora é só isso e tudo isso, rs. O episódio 4 da temporada deve ir ao ar no próximo sábado (09/11). Enquanto isso, aproveitem para assistir a série e ler os mangás e digam o que estão achando e quais suas expectativas para os próximos episódios.

Até a próxima, taverneiros!

TAGS
RELATED POSTS

O trailer de The Witcher anuncia uma data de lançamento em 20 de dezembro.

pESQUISA
PODCAST TVR TAVERNA DE RÍVIA

Visitem nosso Canal Youtube
DICAS THRONEBREAKER
RESENHA DA TAVERNA
cyberpunk 2077
Entrevista com Radu Andrada
Facebook
PARCEIROS – GWENTIZANDO

PARCEIROS VALE DO PONTAR

PARCEIROS – Andrzej Sapkowski

TEAM – TAVERNA DE RÍVIA